sábado, 9 de fevereiro de 2008

Na trilha da Lurian

A superintendencia do Inmetro gastou R$ 2.145 em 20 de dezembro de 2007 na mesma loja do Camelão, em São José (cidade co-irmã de Floripa), onde um segurança da Lurian, filha do Lula Molusco, gastou 40 pila com "besteirinhas". Agora, veja só: o Inmetro compra produtos numa loja que é abastecida por bujigangas do Paraguai. A ação de governo é descrita como "controle metrológico".

A informação é quente e do sem suspeitas amigo Alemão.

2 comentários:

Ricardo Rayol disse...

Uma coisa que me intrigou foi um suposto gasto de R$ 16 mil e pouco na Auto-Peças Badu. Devem ter enfiado a frota de veículos em um poste para comprar tanta peça assim.

Cesar disse...

Off topic: o Paulo Dutra (o fotógrafo) me mandou um e-mail perguntando se eu tinha como entrar em contato contigo, que ele estava saudoso. Como não achei teu e-mail, se puderes mandar de novo, eu repasso.